quinta-feira, 8 de julho de 2010

To my best friend

Para Heloisa Gomes de Sylos


Talvez escrever aqui pra você não fizesse tanto sentido, mas prometi pra mim mesma que seria o mais sincera possível em todos esses posts. E talvez nós duas devêssemos ser, de uma vez por todas, sinceras uma com a outra. Você é minha melhor amiga desde que eu posso me lembrar e talvez por isso nós nunca tivemos a oportunidade (ou a vontade) de conversar sobre nossa amizade, o que ela significa e como ela é de verdade. Nós sempre contamos tudo uma pra outra, mas tudo quase que superficialmente. Você sabe que eu não tô falando de amigos, amores e bobeiras. Coisas importantes. Você, muito provavelmente, nunca me viu chorar, assim como eu nunca te vi chorar de verdade. Quando seu avô morreu, você estava aparentemente bem. Quando estávamos em Bertioga e seus pais brigaram, por mais que eu visse nos seus olhos que não estava, você insistia em me dizer que estava bem. Eu sei que, se precisar, você vai estar lá por mim (assim como eu vou estar lá por você), mas nunca foi solicitada essa ajuda, não de verdade. Talvez, por tudo isso, nunca tenhamos brigado de verdade. Ou brigamos, descontamos nossa raiva uma da outra naquele dia em Bertioga quando, quase como em brincadeira, jogamos uma as coisas da outra na piscina do Felipe e quase nos matamos. Mas aquilo não foi conversar, definitivamente.
Decidi escrever essa pseudo-carta pra você não falando as coisas boas, como sempre falamos em tudo que escrevemos uma pra outra, mas, pela primeira vez, assumindo que temos, sim, problemas e dificuldades.
Mas nada, NADA disso muda o fato de que você é minha irmã, nada disso sobrepõe o fato de que continuamos aqui, uma para a outra, sempre (mesmo que nenhuma de nós tenha coragem pra pedir ajuda). Eu te amo muito, minha melhor amiga.



Para Caio Felipe Morais Zaio


Quando eu comecei a pensar em pessoas para escrever a carta de melhor amigo, você veio na minha mente. É, talvez as pessoas (vulgo o Mala) achem que eu gosto de você porque eu realmente gosto de você, mesmo sendo de um jeito diferente. Você é um dos meus melhores amigos, se não for o melhor, e eu sei que você vai estar lá se eu precisar de você: reclamando, reclamando e cedendo no final, porque é assim que você é. Você assim, engraçado, feliz, com esse sorriso enorme e contagiante e com esses olhos verdes que você não merece. E eu posso dizer, com certeza e em apenas um ano de amizade, que você continuará sendo meu amigo por muito tempo. Não vou enrolar muito, só precisava dizer que amo muito meu amigo escoteiro, porque não podia faltar aqui você e o azul de quando você tinha aparelho e comia sabão. Idiota !




Para Roberta Gonçalves Cintra


Você foi uma das pessoas que salvou meu 2009 do Caos (oh, não!) total, sabia  ? Você e sua mania por Blink, fanfics e por um menino que sentava nos bancos. Foi com você que eu comi pipoca e tomei Ice toda quinta-feira de manhã, que eu dei risada dos professores e que eu fui pra Galeria milhares de vezes. Você é minha baixinha do cabelo enroladinho, que quer o All Star laranja e que ignora o que os professores falam porque tá ouvindo Metallica. Você - sim, você !- mudou meu gosto musical, me fez ficar amiga de um certo cara parecido com alguém do Mcfly e cantou loucamente Ana Júlia comigo em Campos (lembra disso?). E, com toda certeza, você é uma das pessoas da GV que eu mais vou sentir falta. É, eu sei, talvez nós continuemos nos falando depois que tudo isso acabar. Mas por quanto tempo ? Quem vai me ajudar a atualizar a marca pessoal ? Pra quem eu vou contar, às 7 horas da manhã, sobre o paraquedista e a manicure ? Quem vai me ensinar a fazer hachura ? Só você. Minha companheira de risole de calabresa e Coca-Cola, de batata frita, de aliança de papel (hahahaha) e de Diretoria de Imprensa. Vou sentir muita falta de tudo isso quando acabar. Porque, convenhamos, nós duas sabemos que não vamos nos falar tanto quanto nos falamos agora, né ? Mas te asseguro que te amo muito e que, não importa o que acontecer, nunca vou te esquecer. MNCreations&Rooxy'n'RollDesign, hahahaha


4 comentários:

.teka disse...

Que lindo, mah!
Adorei! *-*

.rooxy disse...

precisa dizer que eu ri muito? aliás, que eu tô rindo até agora? sim, eu lembro de Ana Júlia em campos! HUIAHOIUAOA aaaahh mah, tem amizades pra tudo. Acho que a nossa sempre foi das mais variadas. Com risadas na maioria do tempo, e nesse mesmo tempo visitas revoltadíssimas a sala da Marly. HIUSHOIUAHOUIAO e os momentos na escada, lendo Renato Russo e desenhando! é, eu não teria ficado tão feliz pelo 2ºB ter virado o 3ºB se você não estivesse nele. Eu nunca fui de me apegar a colegas de sala, só tinha amigas de infância e as outras pessoas nunca mereceram tamanha consideração - talvez porque elas nunca a deram pra mim. Mas o FAAATO é: eu percebo quando é diferente, você é uma pessoa que eu valorizo, pode ter certeza. e se algum dia eu fui relapsa contigo, imagina como eu sou com as pessoas que pouco me importam HIAUHAOIUHAOIUA ok. Só sei que, se algum dia nessa vida bizarra eu precisar de uma madrinha, oh céus, você é a primeira pessoa que vem na minha cabeça! o que me deixa de consciência pesada com as amigas que vieram antes de ti, mas que seja, se um dia eu passar a diante a desgraça da nossa espécie (HUAHAUHA #machadodeassisfeelings) eu quero você pra encher a cabecinha desse pobre ser de coisa (in)úteis *-* ah sim, outra coisa importante:
pouco fazia sentido na minha vidinha de merda antes de te conhecer também, você não foi a única a ter o 2009 salvo, amgz -q ;D as nossas horas na esquina, com o seu iPod, ou na escada, com pipoca e ice... eis algo que fica pro resto da vida.

e não acabe com o meu sonho de trabalhar contigo um dia! HAUIHOAIUHOA
MNCreations&Rooxy'n'RollDesign, total ♥

.rooxy disse...

sem contar as coisas que você pode usar me zoar eternamente, né
poxa D:
e como será não ouvir numa bela segunda feira as sete da manhã sobre paraquedistas manicures?

hum.

BEIJÃO, MAAAAH
love ya, grrrrl ;*

zaio disse...

palavras pra comentar nesse post imensurável? eu realmente não tenho, talvez eu precise de uma vida pra explicar o que não posso hoje, e se por acaso eu não conseguir ter esse tempo todo pra demonstrar o como você é importante pra mim, deixo aqui o que sei dizer nos atuais dias que demonstram parte dos meus sentimentos.. sim, essas palavras são as mais perfeitas nas atuais circunstâncias para serem ditas... TE AMO MUITO SUA FDP ♥